Horácio Ramasine – Terapeuta Conferencista

TDA e TDA-H: Você os conhece?

TDAH_2TDA/H – Transtorno do Déficit de Atenção/Hiperatividade
O TDA ou TDA/H (Transtornos do Déficit de Atenção, com ou sem hiperatividade) são transtornos bastante frequentes. Tem sido observados em cerca de 7% das crianças, e em torno de 5% dos adultos. Nem sempre é um transtorno benigno. Isoladamente ou associado a outros distúrbios (o que é mais regra que exceção) é um fator altamente predisponente para fracasso nos estudos, dificuldades nos relacionamentos, propensão a acidentes e ao uso de drogas, desempenho profissional abaixo das reais capacidades da pessoa, além de aumentar a predisposição para diversos outros transtornos psiquiátricos. Precisa de diagnóstico profissional médico ou psicoterapêutico! É uma das principais causas de fracasso e consequente abandono escolar. É o transtorno mais comum em ambulatórios de saúde mental de crianças. Precisa de diagnóstico profissional médico ou psicoterapêutico! Em ambulatórios de adultos estimativas recentes acreditam que de cada 5 pessoas em tratamento para os mais variados transtornos psiquiátricos, uma apresenta TDA/H ao lado do outro distúrbio e que, nas mais das vezes, já o tinha, sem ter sido diagnosticado, desde criança.
Pesquisem! Busquem páginas que e destinam a abordar questões ligadas ao Transtorno do Déficit de Atenção/Hiperatividade (TDA/H), e nelas vocês poderão ter acesso a artigos técnicos, resumos de trabalhos (publicados originalmente em revistas especializadas), indicação de livros, links, notícias sobre encontros dedicados ao tema, etc. Tudo isso com a intenção de divulgar o conhecimento adequado sobre assunto tão importante e muito mais frequente do que se imagina. Sem estarmos com um diagnóstico devemos ter o cuidado de não adotarmos, por conta própria ou indiscriminadamente, os tais “fármacos-panaceia” (“R…………a”, por exemplo.). Em nosso consultório, com REIKI, Florais de Bach e Relaxamento temos obtido bom êxito! Estamos ao dispor pelo fone do Rio de Janeiro: 21 24620997
“Somos escravos dos nossos hábitos. Nossa pequena liberdade reside na possibilidade de escolher os hábitos aos quais vamos obedecer, mas isso na verdade é uma tarefa hercúlea!” Saúde e Paz Mental!

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Nuvem de etiquetas

%d bloggers like this: